Música Todas as gerações

Samuel Úria

Lançou-se na música com O Caminho Ferroviário Estreito, mas é nos Caminhos da Água que flui para o Médio Tejo. Haverá cargas de ombro ao ritmo do melhor trovador português, no exato ponto onde o Zêzere e o Tejo se encontram com uma graça incomum. É em Constância que Samuel Úria se dá corda, teimoso que nem um moleque que ninguém precisa que diminua. E para ele, que na língua portuguesa nunca é forasteiro, o palco estará montado a poucos metros do monumento erigido a Luís Vaz de Camões, um dos maiores de sempre no domínio desse império.

 

14/07 22:30 Constância Praça Alexandre Herculano

i